quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Guiné

Guiné


Planta muito conhecida pelo seu lado místico e mágico, mas também é uma planta medicinal. Planta trazida da África pela escravização dos negros ficou conhecida pelos cultos religiosos africanos por ser muito utilizada. Seu nome científico é Petiveria Alliacea. A maneira mais fácil de reconhecer o Guiné é pelo cheiro forte, popularmente é conhecida também por Guiné Pipi, Erva de Pipi, Cagambá e Amansa Senhor. Utilizado para facilitar as menstruações, para dor de cabeça, dor de dente, cólicas menstruais, reumatismo e várias outras coisas.

Ao utilizar o Guiné ingerido temos que tomar alguns cuidados. Em doses altas ele se torna tóxico (tomar várias vezes ao dia em grande quantidade). Mulheres grávidas não devem ingerir, pois é uma planta abortiva (ingerir grande quantidade para aborto pode não causar o aborto e ainda prejudicar a saúde do bebe).

A raiz da Guiné tem uma atividade analgésica e anestésica. Para dor de dente mascar a raiz da guiné e deixar sobre o dente que está doendo vai anestesiar o dente assim aliviando a dor. As folhas também possuem essa ação analgésica e anestésica, a maneira de utilizar é pegar folhas e macerar formando uma espécie de uma pasta e com essa pasta colocar no local e colocar pano por cima de preferência quente, se for dor de cabeça na cabeça, a mesma coisa também para dores reumáticas, articulares e musculares, colocando as folhas maceradas em cima do local e com panos por cima.


O chá utilizado para facilitar a menstruação e cólicas, deve-se utilizar uma colher de chá (aquela mediana, entre a colher normal e a colher de café) de folhas, caules e raízes para cada xícara de água, não exagerar na dose senão pode ter certo grau de toxidade, ideal tomar três dias antes de menstruar e continuar tomando durante a menstruação para que não seja tão doloroso nem tão difícil o processo de menstruação. Já para problemas na boca, gengiva, amídalas, aflita, inflamação na garganta, bactérias e outras coisas na garganta e boca, faz-se um chá bem forte com raiz, talo e folhas e fazer bochecho e gargarejo e descartar, não podendo engolir, repetindo duas ou três vezes ao dia.

Na diabetes também é utilizado, tomando o chá ele causa em uma hora a redução média de 60% da glicemia, por isso seu nome popular Amansa Senhor, os escravos no período colonial utilizavam seu extrato na alimentação de seus patrões grande quantidade, causando grande queda na glicemia então os patrões sentiam fraqueza e bambeza no corpo dessa forma ficando boa parte do tempo deitados, "amansando seus patrões".

Possui também ação acaricida e inseticida. Utilizado para acabar com a sarna de cachorro, pois a sarna é devido a ácaros que vão "comendo o cachorro", faz-se um óleo medicinal de guiné e esfrega nas áreas atacadas pela sarna, assim matando os ácaros que causam a sarna, também lavar o cachorro com a guiné consegue eliminação de carrapatos em uma média de 80% e os que não morrem tem uma grande redução na colocação de ovos e borrifar guiné no ambiente que o cachorro fica, as larvas que estiverem no ambiente morrem. Como ação inseticida, ao borrifar induz os insetos pararem de comer, causando assim a morte dos insetos.

No sistema nervoso ela tem atividade anticonvulsivante, calmante, então pessoas com crise convulsiva tomando apenas uma vez ao dia a pequena xícara de chá já citada anteriormente vai evitar ou pelo menos reduzir o risco convulsões, deprimindo o sistema nervoso central.

Ansiedade pode ser combatida através do extrato da raiz caule e folhas, já o extrato apenas do caule e folha causa ansiedade, e somente o da raiz não causa nem um, nem outro. 

No lado espiritual é uma planta utilizada para o descarrego de energias e também como atrair proteção. Pode ser utilizada em banhos, defumação, e a própria planta dentro de casa. Planta importantíssima para trabalhos da religião Umbanda.


Igor de ∴ Oxum

2 comentários:

  1. Eu acredito muito no poder das plantas! Achei maravilhosos esse texto. Você me indicaria um livro sobre as plantas usadas na Umbanda? As historias são espetaculares. Obrigada!

    ResponderExcluir