quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

Benjoim

Benjoim

Styrax benzoin, conhecida como Benjoeiro é uma árvore nativa da Sumatra, muito apreciada nas Américas e Europa e também no Oriente, ou seja: todos os povos apreciam os benefícios farmacológicos, energéticos e, também, a fragrância dessa planta, para a produção de incenso devido ao seu odor ter fama de afastar más influências.


O Benjoeiro atinge até 20 metros de altura e se adaptou bem ao Brasil. A parte do Benzoeiro utilizada na fabricação de incenso é a sua resina a que se dá o nome Benjoim, obtida através de cortes no seu tronco.  

Além do perfume agradável, o Benjoim também possui propriedades medicinais antisséptica e  expectorante, também é indicado no tratamento de gases do intestino, facilita a digestão, alivia irritação e feridas, trata, ainda, inflamação de garganta e brônquios, problemas da pele e, ainda, por  seu odor é utilizado na produção de perfumes. Possui, ainda, ação fungicida e bactericida.


Do Benjoeiro é utilizado o óleo extraído do tronco do qual são feitos  também tintura, unguentos e inalação de seus vapores.

Após colhida a resina (benjoim), essa se apresenta sob forma de fragmentos arredondados ou ovóides, irregulares, de cor creme esbranquiçada. Se parecem à primeira vista com pedras, são duras e quebradiças. 


Na Umbanda, utiliza-se o Benjoim nas defumações, por essa resina ter a capacidade de dissipar energias negativas dos ambientes. Favorece mais energia mental e a vontade das pessoas sujeitas à defumação com essa poderosa resina. Também atrai alegria e prosperidade, razão pela qual é cantada em praticamente todos os rituais de defumação da Umbanda.

Os rituais de defumação são essenciais na Umbanda, para tal, leia-se texto que esclarece sobre esse assunto publicado em nosso Blog com o título Defumação no dia 21 de junho de 2017.

Que nos lembremos de agradecer ao Pai Olorum por nos cercar de tantos recursos a fim de nos proteger, limpar e energizar, lembrando, ainda, de agradecer às plantas que sempre nos oferecem seus tesouros seja nos alimentando, curando nossas doenças, limpando nossas energias ou mesmo embelezando nossa vida.

"... alecrim, Benjoim e alfazema, vamos defumar filhos de fé..."



Hélida de Nanã

Nenhum comentário:

Postar um comentário