quarta-feira, 21 de junho de 2017

Defumação

Defumação 

   A principal função da defumação realizada tanto na Umbanda quanto nas demais seitas religiosas, através dos tempos, desde a antiguidade,  é modificar  a energia existente no ambiente para equilibrá-la de acordo com a necessidade. 
   Pode-se chamar de defumação, de magia, de ritual, de libertação da energia contida nos elementos vegetais. Todos esses conceitos estão corretos. Depende de qual religião e de qual seita ou do trabalho que será realizado.

Defumação na Umbanda


   Na umbanda, a defumação é realizada no início dos trabalhos, realizando a limpeza do ambiente, do corpo de médiuns, dos assistentes e dos consulentes. Dependendo dos trabalhos realizados, deve-se limpar o ambiente com a defumação mais de uma vez, ao longo do dia, para atrair e facilitar o trabalho que esteja sendo realizado pelas entidades.
   O defumador deve ser feito com carvão em brasas, incensos, alecrim e alfazema. Isso não é regra, pode se usar também outras ervas específicas dependendo da finalidade do trabalho em que será realizado. 
   Quando há o contato da brasa com o elemento vegetal utilizado, libera-se determinada energia capaz de limpar miasmas e larvas astrais presentes em grande parte dos ambientes terrenos, produzidos por nossos pensamentos e desejos, que normalmente encontram-se em desequilíbrio, provocado pela raiva, ciúme, inveja, rancor, ódio, orgulho ou mágoa.
   Por isso mesmo, são utilizadas ervas diversas para fins específicos, que ao serem queimadas produzem o efeito de energizar e harmonizar pessoas e ambientes, removendo do plano astral as
energias deletérias e nocivas que ali encontram, formando verdadeiras barreiras fluidas para afastar espíritos inferiores por determinado tempo.
   Quando a defumação é feita, devem-se agregar pensamentos positivos e afastar tudo aquilo de ruim da sua cabeça, respirar fundo pelo nariz e soltar pela boca. Sendo feito da forma correta, evitam-se, muitas das vezes, acontecimentos desagradáveis provocados por energias negativas produzidas por nossos pensamentos ou por espíritos que possamos ter atraído por nossas ações impensadas.


Ponto cantado da defumação na Umbanda.


Prece de Defumação na Umbanda.


   "Com esse defumador limpo minha casa, meu corpo físico e astral, para que fiquem puros e protegidos, contra os fluidos, interferências, ou influência malígna que sobre eles não prevaleça à inveja, o ciúme, o mau olhado, o ódio ou qualquer outro malefício de pessoas más, que delas se afastem as entidades indesejáveis, espíritos maus ou obsessores, que pretendam me fazer mal.
   Que nesta casa entre a sorte e os meus caminhos sejam sempre abertos para a minha felicidade sob a proteção dos meus guias"

Curiosidade sobre a Defumação


   Nos rituais da Igreja Católica, a defumação é empregada em missas solenes tendo-se em mente que é uma homenagem a Deus. Quando o padre, que representa Cristo, e os fiéis são incensados,  a ideia é de que suba a Deus um aroma agradável de louvor. O uso do incenso é um símbolo de oração. O ritual mosaico empregava o incenso em muitos sacrifícios, só ou com outros perfumes. Havia também o altar dos perfumes em que se queimava incenso de manhã e de tarde. Os cristãos adotaram cedo o uso do incenso. Em Jerusalém, no século IV, já se empregava em todos os grandes Ofícios.)

Salve a defumação!

William de Xangô

3 comentários: