segunda-feira, 20 de maio de 2019

Flagelos Destruidores

Flagelos Destruidores

Dando sequência aos estudos sobre o Livro dos Espíritos, no Capítulo VI trataremos sobre a  Lei de destruição.

Em todos os lugares, todos os dias alguém perde uma pessoa querida, sendo a dor  dela e de mais ninguém. Muitas vezes acontecem grandes tragédias que marcam a vida de várias pessoas como nos casos de terremotos, erupções de vulcões, tsunamis, ou epidemias, ou seja, verdadeiros flagelos destruidores.

Muitas pessoas questionam o porquê de tamanho castigo, assim como Kardec questiona na questão 737: Com que fim Deus fere a humanidade por flagelos destruidores?


No entanto, nós umbandistas sabemos que os chamados flagelos destruidores têm a finalidade de promover o progresso. A vida física é muito rápida, e tudo se destrói para se refazer: é uma constância, fazer, desfazer e  refazer sempre para melhor evolução.

Como é para nossa evolução, poderia Deus empregar outros meios menos dolorosos? Sim, e o faz diariamente nos dando conhecimento para agirmos devidamente com raciocínio. Contudo, muitas das vezes nos deixamos levar pelos prazeres e pelo imediatismo, perdendo o senso da realidade, sendo necessária muitas vezes uma grande dor, um choque para que  acordemos. Exemplo disso é quando uma guia nos orienta a perdoarmos uma pessoa específica. Pode ser que, levados pela teimosia, não perdoamos a tempo e alguma circunstância  da vida leva aquele alguém a desencarnar causando-nos choque e dor.

Devemos sempre nos lembrar de que somos passageiros, frágeis, semeadores. O que plantamos colheremos, seja aqui ou em outra vida. 


Kah de Obá

Nenhum comentário:

Postar um comentário